article

Depilação a laser: Tudo o que você precisa saber antes de fazer

depilação a laser

Muitas pessoas, independente do sexo podem se beneficiar da epilação a laser. Em pessoas que sofrem com foliculite é uma grande vantagem. 

Entenda melhor como funciona, quais as diferenças de depilação para epilação, os riscos e cuidados para essa prática.

O que é o processo depilatório?

O processo depilatório consiste no ato de eliminar ou reduzir a quantidade de pelos de uma área do corpo, seja pelo método de depilação ou epilação, que é o método produzido pelo laser.  

No caso da epilação a laser o resultado sem pelos é mais duradouro e será necessário, apenas esporadicamente, realizar nova epilação para fazer a manutenção. 


O laser é epilação ou depilação?

depilação a laser

O correto é epilação a laser, pois a epilação é quando o pelo é retirado ou eliminado até o bulbo piloso (raiz). A depilação é um método do qual o pelo é retido apenas rente a pele, deixando o bulbo piloso intacto. 

A epilação a laser é extremamente eficiente pois o resultado é duradouro e pode acabar com o crescimento dos pelos 80%. 


Como é feita a epilação a laser

depilação a laser

No processo de eliminação dos pelos pelo método do laser é utilizado um aparelho que emite laser e é posicionado na região onde o pelo precisa ser removido. Como o laser atua no pelo é pela melanina, visto que o laser é atraído pela melanina e percorre o caminho do pelo até chegar no bulbo piloso (raiz), queimando a raiz do pelo. 

Após a epilação  a pele pode ficar sensível e os pelos podem levar de 10 a 15 dias para cair. 


Quais os riscos da depilação a laser?

depilação a laser

De maneira geral não existem muitos riscos, porém é desaconselhável para algumas situações, como:

  • Pelos brancos. Como o laser precisa da melanina para fazer efeito, no pelo branco o laser não vai conseguir atuar. 
  • Mulheres grávidas. É desaconselhável fazer nas regiões da axila, barriga e virilha. 
  • Diabetes descontrolada, porque aumenta a sensibilidade na pele.
  • Hipertensão descontrolada, porque pode ocorrer aumento de pressão.
  • Pessoas com vitiligo. 
  • Doenças de pele como psoríase.
  • Não pode fazer durante o tratamento de câncer. 

A Depilação a laser dói?

depilação a laser

Isso depende do tipo de laser e da intensidade necessária para o tipo de pelo de cada pessoa, mas de maneira geral o que a pessoa sente é umas picadinhas no local. As áreas que podem doer mais são regiões com mais pelos e quando são mais grossos, porém essas regiões o resultado é mais rápido. 

Não é possível utilizar pomada anestésica pois a mesma precisa ser retirada antes do procedimento e, também, é importante sentir onde o laser “ queimou mais” para assim conseguir regular melhor o equipamento. 


Lugares comuns de depilação

depilação a laser

A epilação a laser pode ser feita em várias partes do corpo, mas a maioria das pessoas fazem nessas áreas abaixo:


Virilha

A região da virilha é bastante requisitada, principalmente por mulheres. Apesar de ser uma área que possivelmente sinta mais queimação, é onde será necessário fazer menos sessões e o resultado é mais rápido. 


Axila

O mesmo ocorre com as axilas. Por serem uma região com mais pelos, será necessário menos sessão para se ter o resultado esperado. A epilação nessa região pode auxiliar pessoas que sofrem com bromidrose, pois a presença de pelo pode contribuir com o mau cheiro, já que contribui para que a região permaneça úmida por mais tempo. 


Buço

Apesar de ser uma região pequena, em algumas mulheres há um aumento de pelos nessa região. A diferença dessa região é que por os pelos serem mais finos  as sessões podem ser mais espaçadas. Além disso, qualquer tipo de pele pode fazer a epilação com laser nesta região. 


Pernas

A região das pernas por ser maior que as outras regiões citadas aqui no texto, o valor a ser pago é maior. Mas dependendo da quantidade de pelos, pode ser necessário menos sessões.

 

Cuidados com a pele após a depilação a laser

depilação a laser

É importante estar atento a hidratação da sua pele, para que ela não perca líquido e acabe ressecada ou danificada. No caso do processo nas axilas é importante evitar o uso de desodorantes ou produtos com álcool no dia do procedimento.

A pele ainda estará um pouco sensível, então cuidados a mais serão super importantes para a rápida recuperação. Um dos cuidados que o Programa Adeus Desodorantes proporciona, e que é muito benéfico para a pele, e não precisa mais usar desodorantes e se ver livre do mau cheiro.

Esta é uma inovação feita com produtos naturais e 100% brasileira que atua no controle da microbiota da pele. Para conhecer mais das nossas inovações, acesse: visto.bio

Conteúdos mais buscados



Teste a sua sorte e ganhe descontos na visto.bio!

Descubra se o visto.bio é um bom negócio pra você

Whatsapp