Botox para suor nas axilas é a solução para hiperidrose?

 botox-hiperidrose-axilas

Quem sofre com suor excessivo e com o desagradável odor nas axilas, com certeza já testou diversas marcas de antitranspirantes e desodorantes e muitos já testaram várias técnicas, invasivas e não invasivas. 

Mas e o botox? Você já testou para tratar hiperidrose? 

O botox ou Toxina botulínica, é uma proteína produzida pela bactéria Clostridium botulinum. O tratamento consiste em aplicar através de injeção, quantidades muito pequenas da toxina nos músculos a fim de imobilizá-los.

Esta técnica é recomendada para os pacientes que apresentam excesso de suor ou que referem suor com cheiro muito desagradável nas axilas.

O que é hiperidrose

botox-hiperidrose-axilas

A hiperidrose é a condição que provoca suor excessivo, na qual os pacientes podem transpirar muito até mesmo em repouso, porque as glândulas sudoríparas dos pacientes são hiperfuncionantes. 

O que causa o alto volume de suor

botox-hiperidrose-axilas

O suor excessivo pode decorrer de diferentes causas, como fatores emocionais, hereditários ou doenças. 

A hiperidrose pode ser primária, também chamada de essencial, ou secundária, quando aparece em decorrência de outras doenças, entre elas hipertireoidismo, diabetes, obesidade e alterações hormonais.

Elevação da temperatura-ambiente, prática de exercícios físicos, reações emocionais e psicológicas podem explicar o aumento na produção de suor, mas não a hiperidrose primária, uma doença com características genéticas e diretamente relacionada com o estresse e a instabilidade emocional. 

A incidência é maior em pessoas da mesma família. A enfermidade parece acometer mais as mulheres (60%) do que os homens (40%).

Esses números, porém, são questionáveis, uma vez que elas costumam procurar atendimento com mais frequência do que os homens.

Como funciona o botox para suor nas axilas

botox-hiperidrose-axilas

A transpiração excessiva pode ser amenizada com injeções altamente diluídas da toxina botulínica nas regiões com hiperidrose.

As glândulas sudoríparas responsáveis pela transpiração excessiva são paralisadas com a aplicação da toxina. A aplicação geralmente é realizada em clínicas estéticas ou em consultórios dermatológicos e não exige internação. 

Um teste é realizado para auxiliar o profissional a identificar os pontos de maior suor, o qual consiste em passar uma solução iodada na região da axila e em seguida o amido e as áreas que começam a suar ficam pretas. 

Então é marcado com uma caneta as glândulas que estão funcionando demais, os pontos de maior sudorese, onde a toxina deve ser aplicada. Depois, uma pomada anestésica é passada na região e a toxina é aplicada por meio de finas agulhas. 

As glândulas sudoríparas estão ligadas a um nervo, responsável pela sudorese. O botox paralisa esse nervo, fazendo com ele não consiga agir, reduzindo o suor.

Prós de fazer a cirurgia de botox

botox-hiperidrose-axilas

A aplicação da Toxina botulínica paralisa as glândulas sudoríparas e esse efeito perdura por cerca de três a seis meses até que desaparece gradativamente, enquanto a ação muscular retorna. 

Com aplicações em intervalos regulares, pode ocorrer de o músculo enfraquecer e, dessa forma, as aplicações passarem a durar mais tempo, o que é uma ótima alternativa para quem quer diminuir ou até reduzir o uso de produtos químicos diários na pele.

Contras de fazer a cirurgia de botox para suor

botox-hiperidrose-axilas

Além de ser um procedimento doloroso devido às várias aplicações das injeções no local, o tempo de efeito do botox varia para cada pessoa, podendo ser de 3 a 6 meses, geralmente. 

Desta forma, geralmente, é necessário no mínimo duas aplicações anuais. Sem falar no preço “salgado” para cada aplicação, que normalmente fica em torno de R$1.000,00 a R$ 2.000,00 por aplicação.

Alternativa a aplicação de botox para suor nas axilas

botox-hiperidrose-axilas

Existem alternativas mais invasivas e menos invasivas do que a aplicação de botox. É importante lembrar que o suor é um processo saudável do nosso corpo, e que as principais funções são eliminar toxinas e regular a temperatura corporal.

No entanto, o suor excessivo nas axilas causa incômodo e desconforto para quem sofre deste mal, por isso, é muito importante identificar se o que você tem é sudorese ou hiperidrose.

Como alternativa ao Botox, existe a cirurgia para retirada das glândulas, que consiste em uma pequena incisão na pele das axilas, sendo um procedimento rápido, de 2 horas. A anestesia é local e a pessoa fica sedada. 

Existem alguns tratamentos que podem ser testados antes de optar pelo botox ou cirurgias, tais como: solução de cloreto de alumínio hexaidratado, glicopirrônio tópico, lontoforese com água de torneira, fármacos anticolinérgicos orais, aparelho com micro-ondas.

Todas as modalidades de tratamento devem ser avaliadas em termos de riscos, custos e benefícios no tratamento desta condição.

Comentários

0 comentários
Escrever um comentário
Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados
Seja o primeiro a escrever um comentário!
Fechar