article

Assadura nas axilas: Quais causas e como tratar

assadura nas axilas

Quando falamos em cuidados com a pele há regiões do corpo que acabam sendo esquecidas e só lembramos quando ocorre algum problema. Nossas axilas são assim! Já ouviu falar em assaduras nas axilas? Nesse artigo vamos abordar quais as causas e como cuidar desse problema.


Assaduras nas axilas

A dermatite friccional, popularmente conhecida como assadura, ocorre devido ao atrito da pele com a própria pele ou tecidos, na região das axilas levando a uma irritação, que somado ao suor e a presença de microrganismos (microbiota da pele), pode levar ao aparecimento de feridas e infecções.


Causas das assaduras nas axilas

assadura nas axilas

Esse processo inflamatório decorrente do atrito pode ocorrer em pacientes devido ao sobrepeso, doenças nas axilas como, hiperidrose e bromidrose, mas também é frequente em atletas devido ao movimento repetitivo, especialmente em dias quentes e chuvosos.


Sintomas comuns

Entre os sintomas mais comuns encontramos a vermelhidão e a coceira, que podem levar à formação de feridas que contaminam, devido a presença de microrganismos, levando a um quadro infeccioso.


Posso estar com alergia?

É importante diferenciar a assadura, onde o maior problema é o contato, com as alergias onde o problema está relacionado a outros fatores que levam ao aparecimento de lesões no mesmo local.


O que fazer para melhorar a assadura

assadura nas axilas

O primeiro passo para melhorar a situação é manter a pele limpa, seca e ventilada. Além disso, hidratar a região, com  cremes a base de petrolato, óxido de zinco e lanolina também são recomendados. 

Nos quadros mais graves, onde o aparecimento de lesões favorece a infecção secundária, é importante o acompanhamento médico a fim de identificar os microrganismos envolvidos no quadro infeccioso e prescrever o uso de antifúngicos e/ou antibióticos para complementar o tratamento.


Diferença entre assadura e intertrigo

O intertrigo é o resultado de um assadura que sofreu contaminação por fungos ou bactérias. Geralmente associada a leveduras, Candida albicans. Essa condição acaba agravando os sintomas onde podemos observar erosões, crostas e exsudação (saída de líquido das lesões) e exigindo uma terapia um pouco mais agressiva.


Desodorantes para axilas sensíveis

assadura nas axilas

Para muitas pessoas o uso de desodorantes comuns pode levar a quadros de alergias com o aparecimento de coceira, vermelhidão, queimação e formação de bolhas. Isso se deve a presença de alguns componentes presentes nos desodorantes, como álcool, perfume, parabenos, alumínio e triclosan, que desencadeiam uma resposta inflamatória, trazendo grande desconforto. 

Pensando nisso, a Visto Bio, aliada a modernas técnicas de nanotecnologia, desenvolveu o Programa Adeus Desodorantes. Uma inovação tecnológica, produzida com óleos essenciais, que equilibram a microbiota da pele inibindo a proliferação de microrganismos responsáveis pelo mau cheiro.

 

Descubra se o visto.bio é um bom negócio pra você

Conteúdos mais buscados



Teste a sua sorte e ganhe descontos na visto.bio!

Descubra se o visto.bio é um bom negócio pra você

Whatsapp